Recentes:
Tecnologia do Blogger.

últimas notícias..

Sessão Câmara de Irati 02/03/2015, na íntegra

Publicado por Redação - quarta-feira, 4 de março de 2015 | 16:36

Na Tribuna, representante da Unicentro desabafa e solicita apoio

Assessoria
Em nome da Unicentro, quem fez uso da Tribuna Popular foi a Professora Claudia Regina Martins, que esteve repassando aos vereadores a situação da Universidade e as dificuldades pela qual vem passando. Iniciou fazendo um breve relato sobre o processo de expansão da Universidade na região, e sua abrangência que atinge cerca de 50 municípios, totalizando um milhão de habitantes. Citou também as ações de ensino, extensão e pesquisas realizadas na Unicentro, as quais favorecem o desenvolvimento social, cultural, econômico, científico e tecnológico da região.
Assista a partir de 01:36:50

Vídeo: Sérgio Popo/Hoje Centro Sul

Dilma sanciona hoje Lei dos Caminhoneiros

Publicado por Redação - segunda-feira, 2 de março de 2015 | 13:06

Depois de o governo constatar redução das manifestações de caminhoneiros que bloqueiam rodovias federais, a presidenta Dilma Rousseff vai sancionar hoje (2) a Lei dos Caminhoneiros. A informação é da Secretaria-Geral da Presidência da República.

Arquivo/Hoje Centro Sul

A sanção da lei faz parte das propostas apresentadas pelo governo no dia 26 de fevereiro, durante reunião para acabar com os protestos. Na ocasião, o governo se comprometeu a sancionar a lei, sem vetos, e prorrogar por 12 meses o pagamento de caminhões por meio do Programa Procaminhoneiro.

A nova lei também assegura aos profissionais isenção de pagamento de pedágio para eixo suspenso de caminhões vazios, perdão das multas por excesso de peso expedidas nos últimos dois anos e ampliação de pontos de parada para descanso e repouso.

Em nota divulgada nesse domingo (1°), a Secretaria-Geral cita a “diminuição do movimento” e reitera o compromisso com as propostas anunciadas. A nota diz ainda que as manifestações estão localizadas na Região Sul do país, com bloqueios concentrados em rodovias federais no Rio Grande do Sul, Paraná e em Santa Catarina.


As manifestações começaram há duas semanas e a categoria pede redução do preço do combustível e aumento do valor do frete.

Redação com Agência Brasil



Câmpus Irati realiza formatura de EaD

O IFPR Câmpus Irati promoveu na última sexta-feira, dia 27 de fevereiro, a solenidade de formatura do Curso Técnico em Segurança do Trabalho, modalidade Educação a Distância (EaD). O evento aconteceu no Centro Administrativo Municipal, da Prefeitura de Irati.

No total, 30 alunos receberam o título de Técnico em Segurança do Trabalho. Participaram da cerimônia alunos dos municípios de São João do Triunfo, Piên, Paula Freitas e Antonio Olinto. Em seu pronunciamento, o diretor geral do IFPR Câmpus Irati, Francis Luiz Baranoski, enalteceu a disciplina nos estudos e a determinação dos formandos em obter qualificação profissional.

Assessoria IFPR
Assessoria IFPR 

Irati sedia etapa do Campeonato Paranaense de Sinuca

Jogadores concentrados na etapa paranaense de Sinuca 2015, o evento aconteceu no Ginásio Municipal de Esportes Agostinho Zarpellon, Irati. A etapa teve início na sexta-feira com partidas de várias modalidades. Julio C. Maus, é o presidente da Federação Paranaense de Sinuca e citou o regulamento no início do campeonato.

Beto, organizador desta etapa, explica como funcionam as regras, ele conta que esta modalidade jogada hoje, aqui em Irati, é a sinuca bola oito, ao total são duas regras, a outra sendo a regra inglesa. Beto comenta e agradece a oportunidade que a Federação Paranaense de Sinuca lhe proporcionou, e, sendo assim possível trazer uma etapa para Irati.

Fernando é gerente de uma empresa que fornece equipamentos de sinuca em Irati, ele comenta que a procura pelo esporte vêm crescendo na região, outros campeonatos pequenos acontecem, em Rio Azul, por exemplo, a Prefeitura Municipal promove um campeonato municipal. A empresa de Fernando, Bilhares Irati, deu apoio cedendo três mesas oficiais para esta etapa.

Na sexta-feira, aconteceu a disputa da categoria bodegueiro, e o vencedor foi Carlos Grochoski de Rio Azul. No Sábado teve a modalidade dupla, os vencedores Professor Ezequias e Sanckler de Rebouças, receberam troféus, ambos vão participar da grande final que acontece em Curitiba no final deste ano. No domingo foi a vez da categoria individual, e o vencedor foi o iratiense Odair José dos Anjos ( cabelinho ), ele também vai para Curitiba e representará a região de Irati na etapa final do Campeonato Paranaense que acontece no final de 2015.


Texto e fotos: Sergio Popo/Hoje Centro Sul





















Qual a importância do consumo de peixes o ano todo?

Publicado por Redação - domingo, 1 de março de 2015 | 01:12

No período da Quaresma cresce consideravelmente o consumo de peixe, entretanto este tipo de carne deveria ser mais "popular" no cardápio das pessoas o ano inteiro, pois contem baixo teor de gordura e ômega 3, essencial para evitar doenças cardíacas

Fotos: Divulgação 
Com o início da Quaresma os católicos deixam de comer carne, principalmente a carne vermelha, em certos dias da semana e, com isso, o peixe passa a ser o prato principal em muitas casas.
O peixe é classificado como “carne branca” e é um alimento essencial para uma alimentação saudável. Na Quaresma ele é consumido em grande quantidade pelos católicos principalmente na Quarta-feira de Cinzas e na Sexta-feira Santa. Entretanto este alimento não deveria ser consumido em grande quantidade apenas nesse período, mais sim pelo menos duas vezes por semana durante o ano todo. O peixe tem um teor de gordura muito baixo, o que é importante para o combate e prevenção de diversas doenças.
Os peixes são fonte de vitaminas (A, E, D e niacina) e micronutrientes (ferro, iodo, magnésio, cálcio, sódio, fósforo, potássio, flúor, selênio, manganês e cobalto), além de ácidos graxos essenciais, principalmente em ômega-3. Este ácido graxo é um dos mais importantes para o coração, pois reduz o risco de infarto, evita a formação de coágulos que podem levar a um infarto ou a um AVC (Acidente Vascular Cerebral, o popular “derrame”), reduz as taxas de triglicerídeos e previne as arritmias, ao estabilizar a atividade elétrica do coração.
O consumo de peixe é importante em todas as fases da vida, em especial na infância para aquisição de hábitos alimentares saudáveis. Os peixes são valiosos porque são adequados para todos os tipos de cardápios e podem ser cozidos, fritos, assados, crus e apresentados de muitas maneiras.

Além destes benefícios, o peixe ajuda a:
-Diminuir o colesterol;
-Diminuir o risco da arteriosclerose (endurecimento e espessamento da parede das artérias);
-Aliviar dores e inflamações, pois atua como antiinflamatório;
-Controlar a pressão alta;
-Controlar o apetite;
-Em mulheres grávidas, previne a depressão pós parto;
-No feto, auxilia no desenvolvimento cerebral.

Alguns cuidados devem ser seguidos na hora de escolher o peixe:
-Deve sempre estar bem refrigerado e/ou congelado;
-Os olhos do peixe precisam estar salientes, claros e sem manchas, nunca afundados;
-O odor não deve ser muito forte, mas característico;
-A carne deve estar firme e não se desfazer, assim como as escamas, que terão que ser claras e brilhantes.
-Passe longe de peixes ressecados ou enrolados nas extremidades.

Prefira os peixes gordos (enchova, salmão, cavala, arenque), mais ricos em ômega 3 que os magros (bacalhau, badejo).  E não são apenas os peixes frescos ricos em ômega 3: os enlatados, como o atum e a sardinha, têm tanto ômega 3 quanto os frescos.

Silmara Andrade/Hoje Centro Sul


Período da Quaresma traz proposta de renovação e preparação para a Páscoa

A Quaresma é um período de 40 dias que antecede a Páscoa cristã. Ela é celebrada por algumas igrejas, como a Católica, Ortodoxa, Anglicana e Luterana. A Quaresma compreende um tempo de preparação para a celebração da festa pascal, onde são realizados jejuns, abstinência de carne em determinados dias, caridade e orações.

Arquivo/ Hoje Centro Sul 
O Pároco da Paróquia Nossa Senhora da Luz de Irati, padre Elcio José Gutervil, explica que a Quaresma traz uma proposta de renovação para a Igreja. “A quaresma representa uma proposta de renovar. Renovar a vida a partir do Cristo que se doa. E, por isso, toda a espiritualidade que é própria deste tempo, e o cristão efetivo sabe disso, é aprofundada com as reflexões das missas”, diz.

Sob o lema ‘Eu vim para servir’, a Campanha da Fraternidade deste ano traz como tema central para as reflexões a ligação entre Igreja e Sociedade. Para o padre Elcio, o tema vem ao encontro da proposta da Quaresma, que, nesse período, atrai mais fieis à Igreja. “Este espírito de reconciliação, perdão (confissão) é bem expressiva. O Cristão brasileiro se identifica com o Cristo que sofre e se entrega pelo bem da humanidade. Essa situação vai ao encontro do lema da Campanha da  Fraternidade (‘Eu vim para servir’). Em estado de graça, livre, esse espírito é mais harmonioso. Isso também contribui para os exercícios espirituais: oração, também missa, jejum e a caridade”, ressalta.

Durante o período da Quaresma, os fieis seguem algumas penitências, como momentos dedicados à oração, jejum e abstinência de carne e práticas de obras de caridade. Apesar de ser algo celebrado todos os anos, as penitências da quaresma, muitas vezes, acabam sendo deixadas de lado pelos mais novos. Porém, para o pároco da Paróquia Nossa Senhora da Luz de Irati, os valores ainda se mantêm.

 “Eu não creio que o respeito pela Quaresma esteja diferente. Os valores não se perderam. Quem é Cristão católico respeita e caminha na proposta de Cristo e da sua Igreja”, finaliza.


Programação para a Quaresma
Paróquia Nossa Senhora da Luz (centro): via-sacra todas as terças e sextas-feiras, sempre às 19h30. Missas nos sábados às 18h. Cultos domingos às 8h30, 10h e 18h. Missa e novena nas quartas-feiras às 15h e nas quintas às 19h.
Paróquia São João Batista (Vila São João): via-sacra toda sexta-feira às 19h30. Grupo de oração nas terças-feiras às 19h30. Missas nas quartas às 19h; no sábado às 18h e no domingo às 10h. Novenas nas quartas-feiras às 18h30.
Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Rio Bonito): via-sacra toda sexta-feira às 20h30. Missa e novena nas quartas-feiras às 16h30h e 19. Orações na terça-feira às 20h. Grupo de oração na quinta-feira às 19h30. Missas nos sábados às 18h e domingos às 8h, 10h e 18h.


 Kyene Becker/Hoje Centro Sul


Política em questão

Grandiosidade


Uma comemoração grandiosa marcou o início do funcionamento da nova rodoviária de Irati. Houve fogos de artifício e a presença de autoridades estaduais e federais. Compareceram  para cumprimentar o prefeito Odilon Burgath (PT) pela conquista, a senadora Gleisi Hoffmann (PT) , o deputado federal Aliel Machado (PC do B) e o deputado estadual Marcio Pauliki (PDT). Emocionado, Burgath afirmou que para finalizar as obras foram investidos sonhos e muita perseverança. Para contextualizar, ocorreram inúmeras brigas judiciais e até mesmo agressões verbais contra Burgath e sua família. "Não desistimos e quando chegamos aqui, Deus nos presenteou com um arco-íris e isto significa que estamos fazendo certo", comentou o prefeito. 

Greve dos professores


Antes de participar da entrega das obras da rodoviária de Irati, a senadora Gleisi Hoffmann  (PT)  se reuniu com representantes da APP Sindicato no gabinete do prefeito municipal. A pauta do encontro foi a greve dos servidores públicos da rede estadual de ensino.


Teatro de Irati


Durante a entrega da nova rodoviária de Irati, o deputado estadual Marcio Pauliki (PDT) se comprometeu a buscar verbas junto ao governo estadual para a conclusão das obras do teatro de Irati. O prefeito Odilon Burgath já conseguiu que fosse estabelecida a retomada da construção do Centro da Juventude e estão em andamento as discussões para que as obras do ginásio de esportes também  continuem. Toda a população espera que as obras do teatro também possam prosseguir e sejam finalizadas. 

Estrada Irati - São Mateus do Sul

Os cinquenta quilômetros que separam  Irati e São Mateus do Sul, continuam sendo uma grande barreira entre os municípios devido a precariedade da PR 364. Na quinta-feira (19) da semana passada, um caminhão encalhou e causou a interdição da PR 364. O projeto para que seja feito o asfalto na pista já foi realizado, mas, segundo informações repassadas pelo prefeito de São Mateus do Sul, Clóvis Ledur (PT), as obras não estão previstas no orçamento de 2015. A expectativa de Ledur é que elas tenham início em 2016.

TCE-PR investigará terceirização nos municípios

O Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR) está de olho nos gastos dos municípios com serviços terceirizados. Sobretudo os mais comuns e discutíveis, ou seja, aqueles que podem ser apenas "fachada", como as assessorias jurídicas.  No dia 20 de fevereiro, o TCE-PR aprovou a instauração de um procedimento de Levantamento em relação a gastos com terceirização de serviços jurídicos, de contabilidade e de tecnologia de informação. Tal medida está sendo tomada depois que o TCE-PR verificou que os 399 municípios paranaenses gastaram quase R$ 435 milhões na terceirização desses serviços entre os anos de 2012 e 2013. 

Por Letícia Torres/Hoje Centro Sul


Enchentes e Alagamentos Audiência Pública reúne empresários, entidades e cidadãos

Publicado por Redação - sábado, 28 de fevereiro de 2015 | 10:00

Além do decreto, que regulamenta a construção de reservatórios e retenção de água em construções, já está sendo elaborado um Plano de Drenagem Municipal, que norteará o Plano de Macrodrenagem

 
@Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Irati
Na noite do dia 25, foi realizada nas dependências da Câmara, uma importante Audiência Pública para tratar das recentes enchentes e alagamentos registrados na cidade. O Presidente da Câmara, Vilson Menon realizou a abertura dos trabalhos, convidando as autoridades para compor a mesa, entre elas o prefeito municipal Odilon Rogério Burgath, o Presidente da Comissão Especial, Vereador Antonio Celso de Souza, a 1ª Tenente do Corpo de Bombeiros Carla Spaki Sobol, o representante do CREA-PR Geraldo Carvalho de Oliveira, o assessor da Deputada Leandre Dal Ponte, Flores Pilarski e demais vereadores.

De acordo com Vilson, conforme Edital de Convocação, a presente audiência foi realizada visando atender as reivindicações da população e dos empresários locais, que vêm sofrendo com as fortes chuvas na cidade, razão pela qual, os vereadores, instituíram uma comissão especial a fim de apurar as causas das enchentes e alagamentos. A realização do evento, que integra as ações da Comissão visou abrir espaço para os cidadãos exporem as suas opiniões e sugestões, para se alcançar soluções eficazes rápidas. Menon passou a direção dos trabalhos ao vereador e Presidente da Comissão, Antonio Celso de Souza, que repassou a palavra ao prefeito, representantes de entidades, secretários municipais e cidadãos.

O prefeito municipal Odilon Burgath abriu as explanações falando sobre esse grave problema, que vem de várias décadas e os investimentos já realizados. “A prefeitura tem investido constantemente na dragagem do Rio das Antas, só no primeiro ano somaram mais de R$ 200 mil. Preocupados com o assoreamento no Arroio dos Pereiras, também foi realizada uma intervenção em uma propriedade particular para realizar o serviço, com recursos municipais, além da limpeza de galerias e de bocas-de-lobo em vários pontos da cidade. Porém, sabíamos que essa era uma medida paliativa, pois nossa cidade é fundo de vale, a água que desce da parte mais alta atinge a parte mais baixa”, ressaltou o prefeito que assinou no dia 24, o decreto que regulamenta e estipula a construção de reservatórios e retenção de água em construções, que ultrapassarem 125 m² de impermeabilização. “Esta é uma medida enérgica, que envolve todos os loteamentos já em andamento, que vai causar a médio e longo prazo uma revolução na questão dos alagamentos, evitando o acúmulo de água na parte mais baixa da cidade”, destacou o prefeito afirmando que não está faltando boa vontade por parte da administração e que os recursos estão sendo empenhados com a maior agilidade possível.  

O representante do CREA-PR, Geraldo Carvalho de Oliveira parabenizou a Câmara pela realização da Audiência, uma forma democrática de resolver os problemas, deixando o CREA à disposição de todos para qualquer esclarecimento. Já o assessor Flores Pilarski, em nome da deputada Leandre afirmou que a mesma, juntamente dos demais deputados eleitos, pretende através de emendas, ajudar a solucionar este problema que vem assolando toda a população. Na sequência, o vereador Antonio Celso leu um ofício encaminhado pelo Instituto Ambiental do Paraná, informando que o IAP encontra-se impossibilitado de participar da Audiência, pois no momento não há nomeação para o cargo de representação da referida instituição. Também foi lido um ofício encaminhado pelos Moradores da Bacia do Rio das Antas – AMBRA, os quais solicitaram a implantação de diversos pontos, com destaque para a elaboração de um Plano Diretor de Águas, o qual norteará o projeto de macrodrenagem de toda a bacia do Rio das Antas.   

ENTIDADES REPRESENTATIVAS

O Presidente da ARECI e da AMBRA, Dagoberto Waydzik iniciou parabenizando pela iniciativa da Audiência, pois é do conhecimento de todos que nos últimos cinco anos já foram registrados 10 alagamentos em Irati. “Nos últimos 30 anos, foram registradas 14 ocorrências de inundações no município, sendo que 32.600 iratienses foram atingidos, somando 21% de todos os atentados do Paraná, um número bastante substancial. Somente em junho de 2014, foram 2.300 residências atingidas, prejudicando 9.200 pessoas com prejuízos que somaram em torno de R$ 20 milhões. Waydzik apontou soluções plausíveis e imediatas para este problema, são elas: a elaboração de um Plano Diretor de Águas, que norteará o projeto de macrodrenagem para bacia do Rio das Antas; alteração da Lei de uso e ocupação de solo dentro do Plano Diretor, restringindo a taxa de ocupação das edificações e de loteamentos implantados de forma temerária, pois qualquer obra não deve violar o princípio da precaução, garantida por lei do Estatuto das Cidades; Plano de Manutenção Permanente de limpeza nas galerias e bueiros, bem como, readequação das necessárias; maior fiscalização para que não haja impermeabilização de uso e ocupação do solo próximo ao Rio e seus afluentes; a elaboração de um projeto de desvio do Arroio dos Pereiras do trecho da Rua Dr. Munhoz da Rocha até a rede ferroviária; entre outras diversas importantes solicitações. “Precisamos pensar que Irati vamos deixar para as gerações futuras? Temos que lutar para que a maioria dessas medidas sejam colocadas em prática com urgência”.

O vereador Emiliano Gomes aproveitou para falar mais uma vez sobre a “Mata do Gomes”, a qual segundo ele deveria ser preservada até porque neste espaço, passa um importante afluente do Rio das Antas, o Arroio dos Pereiras, além de diversas nascentes. Neste sentido realizou pergunta ao prefeito Odilon: “Houve alguma tentativa de negociação com o dono da empresa, o que faltou para consolidar essa desapropriação? Outra pergunta feita por Emiliano foi em relação ao Projeto de Lei nº 008/2014, de sua autoria sobre Educação Ambiental nas escolas, o qual já foi sancionado pelo prefeito, mas ainda não foi colocado em prática. O que está acontecendo? Odilon respondeu que não houve insensibilidade por parte da administração em negociar, porém, “não temos orçamento para realizar esta compra, temos muito compromissos, como por exemplo, a ação dos 35% e a conclusão de diversas obras inacabadas no município. Estamos lutando para que ocorra via emenda, uma futura desapropriação, o nosso intuito é construir um jardim botânico, preservando cada pinheiro e árvore existente na mata, mas não dispomos de recursos próprios disponíveis”.

  O Secretário de Arquitetura e Urbanismo, Sandro Luiz Podgurski explanou sobre as enchentes das décadas passadas com diversas imagens, mostrando o crescimento desordenado da cidade e as consequências que estão ocorrendo hoje. Falou também sobre a diferença de enchentes e alagamentos, citando a grande enchente registrada em junho de 2014, diferentemente dos alagamentos que estão sendo registrados, por exemplo, nas Ruas Carlos Thons e Dr. Munhoz da Rocha. De acordo com Sandro, muitas medidas já estão sendo tomadas a começar pelo decreto assinado pelo prefeito, o qual já deveria ter sido assinado há 30 anos, portanto, “a primeira parte da legislação já aconteceu, a partir de agora bacias de retenção terão que ser construídas nas edificações e novos empreendimentos”. Sobre o que já está sendo feito, Podgusrki repassou o seguinte: “foi realizado limpeza na entrada do Arroio dos Pereiras, dentro de uma propriedade particular, dragagens no Rio das Antas, as quais foram retomadas e estão sendo realizadas próximo ao Clube Samuara. Estas dragagens devem perdurar até meados de 2016, com pretensão de atingir toda a extensão do rio. Foram realizadas também várias vistorias no trecho do arroio próximo a Rua Dr. Munhoz da Rocha e a Moageira, onde verificou-se  que o problema está relacionado a edificação nova construída, que trancou parte da galeria, sufocando as bocas-de-lobo, o tamanho das galerias que não suportam a vazão da água, as tubulações da Sanepar, que obstruem a passagem, além do esgoto que desemboca na água”, salientou o secretário dizendo que os empresários, que ainda não possuem ligação de rede de esgoto terão prazo máximo de 30 dias para resolver o problema, pois as saídas serão bloqueadas. Também vamos refazer um trecho da galeria que foi desmontada pela fundação do prédio executado, sendo que o canal terá que ser refeito pela Rua Carlos Thons. O projeto já está sendo elaborado, e vai depender de emendas para ser executado, pois inclusive as manilhas terão que ser trocadas. Outra iniciativa foi à suspensão de todos os alvarás momentaneamente para que os mesmos sejam liberados já de acordo com o Decreto assinado pelo prefeito. E por fim, também foi contratada uma técnica florestal, que está estudando e elaborando o Plano Diretor de Drenagem Municipal, no qual a parte técnica vai nortear a elaboração do Plano de Macrodrenagem. Com esse plano, conseguiremos realizar projetos e buscar verbas através dos Ministérios e secretarias. Estamos agindo rapidamente dentro das nossas possibilidades, apesar dos resultados virem a longo prazo”.

O vice-presidente da ACIAI, Oscar Muchau afirmou que a Associação é um canal de ligação entre o executivo e os empresários, e que as solicitações acertadas vem sendo atendidas gradativamente. “Com bom senso tudo se resolve”. A 1ª Tenente do Corpo de Bombeiros, Carla Spaki Sobol elogiou a Prefeitura, que tem buscado de todas as formas resolver este problema, “mas sabemos que as respostas são lentas”. Parabenizou também a Chefe da Defesa Civil Municipal, Rozenilda Romaniw Barbara, pelo material explicativo que está produzindo, com orientações de como as pessoas devem agir nestes períodos de enchentes e alagamentos. Dando sequência, Rozenilda que atua há mais de seis anos na área, destacou a importância da prevenção nestes casos. “Além da prevenção, é necessário trabalhar uma legislação específica para Irati, é preciso rever todo o Plano Diretor. Outra questão são as famílias ribeirinhas, dos bairros Lamil e Canisianas, em torno de 45 famílias, que precisam ser retiradas, pois o rio está afunilando”.

O vereador Rafael Felipe Lucas destacou a importância desta Audiência e da Comissão Especial formada pelos vereadores. Para ele, hoje Irati está com diversos problemas, alguns pontuais como, por exemplo, os bueiros e o Rio, os quais precisam ser limpos de forma imediata pela administração. “Também seria relevante que a Prefeitura tivesse um sistema de cadastro daquelas pessoas que mais sofrem com as enchentes”. Para Lucas, outra questão de extrema importância é a revisão do Plano Diretor, precisamos modernizá-lo, incluindo a educação ambiental.  

Depois da explanação do Sandro, diversas perguntas foram realizadas pelos cidadãos que estavam presentes. Sugestões, opiniões e embates marcaram a Audiência, que foi enriquecedora, englobando diversas discussões relacionadas ao tema. Antonio Celso de Souza agradeceu a presença dos empresários, entidades e cidadãos afirmando que uma nova Audiência será agendada futuramente para que possamos também acompanhar os resultados das ações que já estão sendo executadas.


(Assessoria de Comunicação da Câmara Municipal de Irati)   



Últimas Notícias

Polícial

Clínica Odontológica

Política

Geral

Distribuidora de Bebidas

Saúde

Esportes

 
Support : JORNAL HOJE CENTRO SUL Rua Nossa Senhora de Fátima, no 661, Centro, Irati, Pr, ao lado da Escola de Inglês Influx CEP 84500-000 - Irati - PR Tel: (42) 3422-2461 hojecentrosul@hojecentrosul.com.br Expediente: de segunda à sexta das 8h às 17h
"hojecentrosul.com.br 2013 © Textos, fotos, artes e vídeos do Jornal Hoje Centro Sul estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. É expressamente proibido a reprodução do conteúdo do jornal (eletrônico ou impresso) em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização expressa do Jornal Hoje Centro Sul. As regras têm como objetivo proteger o investimento que o Jornal Hoje Centro Sul faz na qualidade de seu jornalismo.."